the blog

Latest news.
5 dicas para decorar o quarto do bebê

5 dicas para decorar o quarto do bebê

22.10.2015.

Durante a gestação, toda mamãe deseja decorar e criar o quarto mais lindo do mundo para o seu bebê, porém a segurança de seu bebê deve estar em primeiro lugar na lista de móveis e objetos para compor o ambiente dos pequeninos!

p-6535-dormitorio-jaana

Dicas:

  1. Vamos decidir quais móveis devem ser comprados, leve em consideração as doações de parentes próximos, aqueles que tiveram bebê e não utilizaram algum móvel que já foi muito útil a eles; aproveite e pegue dicas deles também!
  2. O ideal é medir as paredes e o espaço disponível no cômodo antes de comprar qualquer móvel. Faça orçamentos, pois os preços podem variar muito!
  3. Ser realista em relação ao espaço disponível no quarto do bebê, pois este deverá ser um ambiente arejado e tranquilo.
  4. Não exagere nos enfeites e nem nos móveis, pois muita informação vai carregar o ambiente e os muito móveis vão dificultar a movimentação no quarto.
  5. Planeje tudo com calma, já que a maioria das loja levam cerca de 30 dias ou mais para entregar ou montar os móveis do bebê, assim, quando o bebe chegar tudo estará em seu devido lugar, sem cheiro de tinta ou cola, evitando assim prováveis alergias no pequeno.

 

Cesto ou moisés

quarto-bebê-14

Cestos ou moisés podem ser de grande utilidade nos primeiros meses do bebê, já que são aconchegantes, de fácil movimentação para qualquer lugar da casa e podem servir como local para dormir de dia e à noite. Pais e mães adoram esses itens mais portáteis para colocar no quarto deles, bem perto da cama, e encurtar a “viagem” das mamadas da madrugada, em especial em época de frio.


O Berço

p-8221-ber_o_amoroso_branco

Como seu bebe dormirá nele até os 2 anos de idade, procure por berços que sigam os padrões do Inmetro para que seu filho não corra riscos.

Recomendações importantes:

  • A distância entre as grades, por exemplo, tem que ter no mínimo 4,5 cm e no máximo 6,5 cm, assim não há perigo de que a cabecinha, ombros ou mãos dele possam ficar presas.
  • Se o berço tiver rodinhas móveis, pelo menos duas delas têm que ser fixas ou conter travas.
  • O espaço entre o estrado e a lateral do berço não deve ultrapassar 2,5 cm, e o espaço entre as ripas do estrado tem que ser de, no máximo, 6 cm, para também evitar que braços e pernas possam ficar presos.
  • Se alguma das partes do berço for feita de tela, os buraquinhos têm que ter no máximo 7 mm, para não haver chance de os dedinhos do bebê passarem por eles.
  • Os berços com as laterais abaixáveis facilitaram sua rotina, pois quando for pôr e tirar o bebê da cama, especialmente quando ele estiver já adormecido.
  • O colchão deve ser firme, com densidade apropriada para crianças pequenas.
  • É interessante investir em colchões plastificados para evitar eventuais vazamentos, bem como vômito do bebe. Sendo é preciso colocar o colchão para arejar com frequência, porque a umidade pode ficar presa sob o plástico e provocar mofo.
  • Outra importante dica é observar se não ficam espaços vazios nas laterais uma vez que o colchão esteja colocado no berço. Se você conseguir colocar dois dedos entre o colchão e a lateral do berço é sinal de que o espaço está grande demais e há risco de seu filho ficar preso ali.

 

A Cômoda

p-6494-comoda-encanto_c_sapateira

A cômoda além de organizar as roupinhas do bebê ela serve também para facilitar as trocas das fraldinhas. Por serem grandes, geralmente há espaço para colocar o trocador e todos os acessórios para as trocas na parte de cima, e ainda sobra bastante lugar para as roupas e sapatos do bebê nas gavetas. Há modelos no mercado que permitem organizar os vestidinhos ou qualquer outra roupinha nos cabideiros, há ainda aqueles com porta transparente, ou grandes gavetões para abrigar estoque de fraldas, malhas ou colchas mais grossas. É essencial que este móvel seja bem firme, para que o bebê não vire quando começar a engatinhar. Outro ponto é que seja pintada com tinta atóxica e que não tenha quinas pontudas demais que possam machucar seu filho quando ele for um pouco maior.

 

A Cadeira de balanço para amamentação

poltrona

Ao escolher uma cadeira ou poltrona, teste a altura das costas e do apoio para os braços para ter certeza de que você ficará confortável na hora de amamentar . No caso das poltronas, escolha o acabamento de um tecido que seja fácil de limpar, como o couro sintético ou ecológico. Pense também em uma cor neutra para que no futuro, se quiser, possa transferir a poltrona para outra parte da casa, já que se trata de uma peça tão gostosa de sentar. Deixe o tecido decorativo para as almofadas.

Esperamos que nossas dicas ajudem as futuras mamães a escolher os melhores móveis ao bebê tão esperado!

Aproveitem para conhecer nosso trabalho personalizado PORTFOLIO

Fonte: Google

 

Author: